READING

Dez dicas práticas para você viver a Permacultura ...

Dez dicas práticas para você viver a Permacultura na sua cidade

Permacultura é um conjunto de ideias e práticas que englobam a vida do Ser Humano em sua integralidade com a Natureza, independente do local em que vive

Hoje reunimos dez dicas práticas para que você comece a compreender o novo significado que a Permacultura pode dar à sua vida. Não é necessário fugir da cidade para o campo, muito pelo contrário. O que o Ser Humano e a Natureza de que fazemos parte necessitam é de pessoas agindo em prol do bem comum, e isso inclui vários pequenos gestos que cabem em um pequeno apartamento de uma grande cidade.

1. Nunca é demais lembrar: recicle.
Recicle no trabalho e em casa. Lembre-se de que o material reciclável deve ser lavado (no caso de plásticos, vidros e metais) e dobrado (papel). Agindo assim também estaremos humanizando o difícil trabalho dos catadores nos lixões quando não houver coleta seletiva. Vale lembrar que utensílios como móveis, entulhos, eletrodomésticos e baterias de celulares e computadores não devem ser jogados no lixo convencional. Há serviços especializados para recolhê-los. Informe-se junto à prefeitura de seu município.

2. Faça compostagem
Aprenda a fazer compostagem: além de reduzir o problema do lixo, especialmente nas cidades, a compostagem diminui pela metade os rejeitos. Todos ganham com a transformação do lixo em composto orgânico! A horta, o jardim e até as plantas ornamentais cultivadas em vaso, pois terão um adubo natural de ótima qualidade e barato feito em casa, sem poluir o meio ambiente.

3. Nunca jogue lixo na rua!
A natureza agradece e ainda teremos uma cidade mais limpa. Caso não tenha uma lixeira por perto, guarde para colocar quando encontrar. Dê o exemplo, especialmente para as crianças.

4. Compre ou produza seus alimentos orgânicos
Por enquanto, alimentos orgânicos são um pouco mais caros, pois a demanda é maior que a oferta no Brasil. Mas você sabia que, além de não usar agrotóxicos e fertilizantes químicos, os orgânicos respeitam os ciclos de vida de animais, insetos e ainda por cima absorvem mais gás carbônico da atmosfera que a agricultura “tradicional”? Portanto, incentive o comércio de orgânicos para que os preços possam cair com o tempo. Se dispuser de pequeno terreno, faça sua horta orgânica, pois é fácil, o custo é mais barato e os alimentos são mais saudáveis e nutritivos. Mesmo em apartamento é possível, em recipientes, produzir algumas hortaliças, temperos e plantas medicinais. Experimente!

5.Proteja as florestas
Em tempos de aquecimento global, as árvores precisam de mais defensores do que nunca. O papel delas nesta etapa é crítico, pois mantém a quantidade de gás carbônico controlada na atmosfera.

6.Considere o impacto de seus investimentos e informe-se sobre a política ambiental das empresas
Na onda da sustentabilidade vários bancos estão considerando o impacto ambiental das empresas em que investem o dinheiro dos seus clientes. Informe-se com o seu gerente antes de escolher o melhor investimento para você e o meio ambiente. Seja o banco onde você investe ou o fabricante do shampoo que utiliza, todas as empresas deveriam ter políticas ambientais claras para seus consumidores. Fiscalize, divulgue!

7.Não permita o desperdício de água
Cuidado com as torneiras; uma torneira aberta gasta de 12 a 20 litros de água por minuto e se estiver pingando, são 46 litros por dia. A cada 5 minutos, num banho de chuveiro, são gastos cerca de 30 litros de água, enquanto que um banho de banheira gasta, em média, 80 litros de água.

8.Participe de ações virtuais
A Internet é uma arma poderosa na conscientização e mobilização das pessoas. Compartilhe tudo que achar interessante e vital para unir as pessoas em prol de causas humanas.

9.Regue as plantas à noite e, no verão, procure utilizar coberturas vegetais para a terra
Ao regar as plantas à noite ou pela manhã, bem cedinho, você impede que a água se perca pela evaporação, e também evita choques térmicos que podem agredir suas plantas. O uso de sombrite, além de proteger as plantas das elevadas temperaturas e da fortes chuvas típicas do verão, economiza água. As coberturas vegetais mortas e vivas protegem o solo evitando a erosão e conservando a umidade.

10.Informe-se sobre pequenas alternativas ambientalmente corretas para sua casa
Seja na construção ou na reforma, existem maneiras menos agressivas de lidar com a questão. Dê preferência para materiais ecologicamente corretos e técnicas de bioconstrução. Pesquise mais sobre permacultura!

 

Pela Redação do Planta Uma, com informações do livro “53 dicas práticas para você economizar energia e proteger o planeta” de Daniel Cassiano Lima. Foto 500px.

Permacultura e #sustentabilidade são sinônimos

Comentários

comments


INSTAGRAM
@planta_uma